Dor no nervo ciático: quais são as causas e como resolver o problema?

Alguma vez você já ouviu alguém reclamar de dor no nervo ciático? É bem provável que sim, pois essa dor é bastante comum. É aquela que começa na parte de baixo das costas e irradia pelas coxas e pernas. Por causa dela as pessoas relatam lombalgia (dor na região lombar da coluna) e dificuldades para se locomover, o que, é claro, compromete a qualidade de vida e o bem-estar.

Se você sofre com esse tipo de incômodo, neste post vai descobrir como ter disposição e energia ao tratar da ciatalgia, nome técnico dessa dor. Boa leitura!

Entenda mais sobre o nervo ciático

Esse é o maior nervo do corpo humano. Ele tem início na parte inferior da coluna vertebral e suas raízes se estendem pela parte posterior dos glúteos, coxas e pernas. O nervo ciático é responsável pelos movimentos articulares e musculares dos membros inferiores.

Além disso, esse par de nervos está relacionado à sensibilidade das pernas e coxas. Devido a seu tamanho e localização, é muito vulnerável às compressões, que causam intensas dores.

O diagnóstico da ciatalgia é feito por médicos e fisioterapeutas. Esses profissionais estão capacitados para orientar e indicar o tratamento mais adequado para o caso.

Lembre-se: apesar de muitas pessoas recorrerem a remédios para lidar com a dor, sempre reforçamos que você nunca se automedique. Siga sempre as orientações de um profissional para manter a saúde em dia.

Saiba o que causa a dor no nervo ciático

A dor no ciático surge, principalmente, por processos inflamatórios. Entretanto, existem outras causas importantes que devem ser observadas, como:

  • hérnia de disco;
  • síndrome do músculo piriforme;
  • estreitamento do canal medular;
  • deslizamento das vértebras;
  • desvios da coluna;
  • traumas;
  • tumores;
  • osteoartrite.

Conheça os tratamentos para essa dor

Os tratamentos para a ciatalgia incluem identificar e modificar a causa da compressão do nervo. Conheça aqui os tratamentos mais comuns para aliviar a dor no nervo ciático.

Medicamentos

Os médicos prescrevem remédios analgésicos e anti-inflamatórios para aliviar a dor nos momentos de crises agudas. Eles são muito eficazes e, ao tomá-los da forma correta, com acompanhamento médico adequado, você logo se sentirá melhor. No entanto, investigue o que causou a dor para evitar novos episódios dolorosos.

Dieta equilibrada e atividade física regular

Manter o peso sob controle previne o aparecimento da dor. Parece clichê dizer para se alimentar bem e fazer exercícios. No entanto, essa rotina saudável deixa o organismo mais resistente ao aparecimento de doenças, e a movimentação promove flexibilidade ao corpo.

Quiropraxia

Terapia holística, a quiropraxia promove o realinhamento da coluna vertebral e desobstrui os caminhos dos impulsos nervosos. Essa prática deve ser incorporada à rotina para tratar e, sobretudo, para prevenir o surgimento das crises.

RPG

A reeducação postural global (RPG) é outra boa opção para evitar a dor no nervo ciático. O fisioterapeuta indica os exercícios a serem realizados para garantir uma boa postura. Além disso, a técnica permite o alongamento muscular, inclusive dos membros inferiores.

A dor no nervo ciático afeta muitas pessoas. E, quem sente, sabe o quanto é incapacitante. Portanto, invista em terapias que evitam o aparecimento da ciatalgia e tenha mais disposição para fazer o que dá prazer em sua vida. Garanta o bem-estar e a saúde, afinal, esses bens são muito valiosos.  

Gostou do texto? Então, curta nossa página no Facebook e veja mais posts sobre saúde e qualidade de vida!

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *