O poder da AutoCura e Auto Regulação – Inteligência Inata 

A autocura é uma realidade, havendo inclusive, comprovação científica de que é possível nos curarmos sem a ajuda de medicamentos. Hipócrates — o pai da medicina, já praticava terapias considerando que o corpo possui todos os mecanismos necessários para tanto.

Segundo esse princípio, os médicos têm apenas a função de facilitar e orientar o processo de cura, sem intervir diretamente. É nesse sentido que a medicina conhecida como “complementar”, “holística” ou “alternativa” se fundamenta para realizar os seus tratamentos.

Neste artigo vamos comentar sobre o processo de autocura e algumas técnicas que ajudam nesse sentido. Continue lendo para saber mais!

A autorregulação e o processo de autocura

Os organismos vivos possuem um sistema de regeneração que lhes permite restaurar o equilíbrio. Trata-se da homeostase, que é uma capacidade de adaptação, a qual permite a autorregulação, sem se deixar afetar pelas ocorrências externas.

Quando adoecemos, um médico tradicional busca esse equilíbrio pelo tratamento com um agente externo — o remédio. Já o médico que pratica a medicina alternativa proporciona meios para que o corpo recupere a sua capacidade regenerativa natural.

O processo de autocura

A autocura funciona com base na capacidade de reconhecermos o que acontece com o nosso corpo e mente e intervir em favor da nossa autorregulação.

Nesse sentido, o autoconhecimento é fundamental para evitar ou reverter o quadro de uma doença. Para tanto, é imprescindível a observação dos sintomas e a aplicação de técnicas específicas, como a técnica de liberação emocional e a sintonia energética.

As técnicas utilizadas para a autocura

A EFT (Emotional Freedom Techniques) ou técnica da liberação emocional é considerada eficaz pela Associação Americana de Psicólogos. Ela se fundamenta no princípio de que tudo o que nos faz sofrer com emoções negativas, como o medo, a raiva e a tristeza, é na verdade, o resultado de uma ruptura no sistema energético do corpo.

Essa ruptura pode ser originada por traumas, como uma traição ou um acidente. Para reequilibrar esses meridianos e permitir que a energia flua livremente, é possível acessá-los por meio de toques com as pontas dos dedos.

Aplicação da técnica

Para aplicá-la, a pessoa deve pensar em um determinado problema e nas emoções que ele provoca, como estresse, insegurança e revolta, identificando no corpo onde e como elas são sentidas, como uma pontada no estômago, coração acelerado ou uma agulhada na cabeça.

Ao mesmo tempo que a pessoa executa movimentos com os dedos, entra em sintonia com o problema por meio da repetição de frases relacionadas às sensações negativas.

Sintonia do corpo energético

Com alguns passos simples é possível obter uma sensação de paz, sintonizando o corpo energético e utilizando os pensamentos e as emoções para mudar a frequência e o fluxo de energia, da seguinte forma:

  • sente-se em uma posição confortável e preste atenção na respiração, evitando pensamentos e julgamentos;
  • junte as palmas das mãos e leve-as para frente, esfregando uma na outra de forma rápida, por 30 a 60 segundos — sinta o calor que elas emanam e esboce um sorriso enquanto fricciona as mãos;
  • coloque as mãos de frente uma para outra, respeitando uma distância de 6 a 8 centímetros e sinta a energia fluir através delas;
  • feche os olhos e tente mover a sensação de energia pelos braços e outras partes do corpo que esteja apresentando algum problema;
  • observe o efeito de relaxamento que a energização do corpo proporciona.

A importância das terapias alternativas na cura de doenças

As terapias holísticas, também conhecidas como “alternativas” são essenciais para ajudar no processo de autocura, pois a autorregulação é uma inteligência inata do corpo, controlada pelo sistema nervoso. Quando a coluna vertebral fica desalinhada, gera uma interferência nessa função natural, bloqueando a fluidez da energia vital.

A Quiropraxia, uma importante e poderosa profissão, ajusta a coluna e restabelece essa função por meio de técnicas manuais que se concentram na qualidade do funcionamento do sistema nervoso, possibilitando a fluidez da energia e beneficiando o corpo e a mente.

Como vimos, a autocura é possível e funciona com base no autoconhecimento. Nesse sentido, a medicina alternativa é fundamental para orientar e direcionar tratamentos naturais, visando a autorregulação do organismo e a melhoria da qualidade de vida.

Gostou deste artigo? Então, assine a newsletter para receber os nossos conteúdos diretamente em seu e-mail!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *